PGP

PGP = Pretty Good Privacy

Vamos usar neste post a criptografia assimétrica, que pressupõe duas chaves, uma para criptografar e outra para descriptografar.

O PGP pode ser utilizado com qualquer uma das formas de criptografia. Cada pessoa cria uma chave pública e uma chave privada para si mesmo, e divulga sua chave pública.

Na hora de se criptografar a mensagem, você usa a chave pública do destinatário. Na hora de decriptografar, o destinatário deverá usar sua chave privada.

Fácil!?

GNUPG

Para este tutorial vamos utilizar o GNUPG = GNU Privacy Guard.

Instalando (linha de comando no Mac)

brew install gnupg

Gerando as chaves

gpg --gen-key

Para ver as chaves (publicas)

gpg --list-keys

Para ver as chaves (privadas)

gpg --list-secret-keys

Aqui tem várias dicas de utilização.

https://www.digitalocean.com/community/tutorials/how-to-use-gpg-to-encrypt-and-sign-messages

Open Banking – Fase 1

Diretório

Para as instituições com participação obrigatória no Open Banking, existe um diretório onde estão todas listadas.

https://web.directory.openbankingbrasil.org.br/organisations

Dentro da organização, existem várias áreas para preenchimento. Uma delas é a parte de contatos.

Contatos

Não sei exatamente o motivo, mas para cada contato é solicitado uma chave pública pgp. Você sabe o que é isto? (detalhes aqui)